Como fazer transferência de veiculo

Uma grande alegria para muitas pessoas é comprar um carro, muitos desejam comprar um carro zero recém saído da fabrica, mas a verdade é que a maioria das pessoas compra mesmo um bom carro usado, neste caso é preciso fazer a transferência do veiculo para seu nome.
 Muitas pessoas preferem deixar isso por conta de um despachante que apesar de custar um pouco caro, facilita bastante a vida do novo dono do carro, mas algumas pessoas decidem  fazer a transferência do carro ou moto por elas mesmas, e nesse momento surgem duvidas  sobre como isso deve ser feito, por isso ai vai o passo a passo para quem quer fazer a transferência do veiculo sozinho.
A primeira coisa que você precisa saber para transferir um veiculo para seu nome é que você tem que fazer a transferência o mais rápido possível, já que depois de 30 dias que você comprou o carro ou moto você vai pagar uma grande multa para transferir o veiculo para seu nome.

Para transferir o veiculo para novo proprietário você precisa ir ao posto do DETRAN ou CIRETRAN de sua cidade, em algumas cidades o posto de atendimento do DETRAN fica dentro do Poupatempo mesmo, lá você vai realizar a pesquisa de baixa de gravames.
 Depois você precisa ir a uma agência de um banco conveniado ao Detran com o Certificado de Registro e Licenciamento de Veiculo (CRLV) e lá pagar a taxa para a emissão de um novo Certificado de Registro de veiculo (CRV) também é necessário levantar se existem dividas como multas, IPVA atrasado, seguro obrigatório , etc. Se o veiculo que comprou tiver essas dividas é preciso quita-las neste momento.
Depois volte ao posto de atendimento do DETRAN ou CIRETRAN  com o comprovante de quitação de todas as dividas existentes e uma cópia simples dele e peça a pesquisa PTRE , ou pesquisa RENAVAM.



Então será necessário ir em um dos pátios do DETRAN ou posto de atendimento indicado em sua cidade com seus documentos como :
  •  RG ( também são aceitos o RNE, CNH, CIE,  Identidade funcional de policial, Identidade militar e Carteira de ordem ou conselho de classe) 
  • CPF,
  •  Comprovante de endereço no nome do proprietário do veiculo, de cônjuge ou pais e parentes, desde que se possa comprovar parentesco, ( pode ser conta de água, luz, telefone, gás, carne de IPTU ou carta de banco)
  •  o certificado de registro de veiculo (CRV) original com firma reconhecida e faça a vistoria do veiculo. 
  • Comprovante original da taxa de emissão do novo CRV e de quitação das dividas com cópia simples
  • Decalque do motor ou laudo fotográfico quando não for possível alcançar o numero do motor. Estre deve ser feito em empresa credenciada de vistoria conveniada ao Detran 
  • Decalque do chassi ou lado fotográfico quando não for possível alcançar o numero do chassi.
  • Formulário RENAVAM preenchido corretamente em 2 vias, você pode preenche-lo pelo endereço http://formulario.detran.sp.gov.br/Planilha.aspx, escolha a opção, aquisição de veiculo ao preencher.
Lá eles irão fazer a vistoria do veiculo, depois será preciso voltar ao posto de atendimento do DETRAN e entregar os documentos acima e o laudo da vistoria para solicitar a emissão do novo documento do veiculo, este documento será necessário retirar no posto de atendimento do DETRAN onde você entregar os documentos, depois que estiver com o novo documento na mão, também será preciso ir ao pátio onde fez a vistoria e fazer a lacração do veiculo.
então seu novo carro vai estar legalmente em seu nome e você poderá andar tranquilo com ele.



2 comentários:

  1. preciso de ajuda !!

    Comprei um carro ano passado em setembro passei por uma inspeçao veicular que me aprovou o carro entao efetuei a compra !! em janeiro deste ano eu vendi ....Assim que o comprador foi fazer a inspeçao ele foi avisado que o carro estava com sinais de massa em volta do chassis e avisaram para ele me procurar , Assim que eu fiquei sabendo fui na inspeçao que me aprovou o carro , o vistoriador viu o carro reconheceu seu erro e me aconselhou a comprar o carro de volta pois ele ia acionar o segura da sua empresa , Porem assim que eu comprei ele nao cumpriu a sua palavra ....Eu chamei ele no procon , ele assinou reconhecendo o seu erro mais me ofereceu 1/3 do valor do carro , eu levei o carro no ciretran e depois na policia cientifica e na pericia foi confirmado a adulteração no chassis , e na ultima sexta feira o carro foi preso , ....Será que eu consigo retirar esse carro pra não perder tudo ??? ALGUEM JÁ PASSOU POR ESSA SITUAÇÃO ??

    ResponderExcluir
  2. Procure um advogado, acho que o Detran é responsável pelos seus credenciados e deve se responsabilizar.

    ResponderExcluir